NaNoWriMo: Um desafio de escrita

Todos temos a ideia que um dia seremos grandes escritores. Temos ou tivemos. A verdade é que mesmo quando o verbo está no pretérito perfeito ainda há uma pequena réstia dentro de nós de que a tal veia que faz despertar o sonho ainda exista. Assim, queria dizer que me inscrevi para uma ideia maluca de escrever durante o mês de Novembro 50 000 palavras.

O projecto é conhecido por NaNoWriMo e pretende desafiar os aspirantes a escritores a escreverem um romance de cerca de 150 páginas durante um mês. Claro que se tratará apenas de um draft, com muita divagação, mas onde a disciplina na escrita, permita a colocação de todas as ideias no papel (ou no computador). A edição e correcção ficarão para depois. Agora é apenas para cansar os dedos.

As inscrições para o NaNoWriMo estão abertas durante o mês de Outubro sendo que esta altura é a ideal para delinear a nossa obra prima, fazer o esquisso daquilo que depois vamos tentar escrever. Depois é só aguardar o dia 1 de Novembro para começar a escrever cerca de 1700 palavras por dia.

Para acompanhar esta aventura criei um micro-site onde irei colocar tudo o que estiver relacionado com o assunto. Por isso não deixem de passar pelo Abulafia. Será certamente o local dos desabafos, das surpresas e dos conflitos com o papel em branco e se por acaso decidirem participar deixem uma mensagem para saber quem é a comunidade portuguesa de participantes.

Uma resposta

  1. Inscrevi-me pela primeira vez este ano. O ano passado duas pessoas que me lia regularmente na blogosfera estavam a participar e eu pensei que seria interessante participar, até porque sofro de bloqueio crónico e a minha disciplina para escrever é a coisa mais caótica do mundo. Só que esses dois bloggers este ano não vão participar e eu estou por conta própria. O que é um pequeno, ínfimo, percalço.
    Também não tenho sinopse, o que também é um pequeno, ínfimo, percalço. Seja o que for…
    Ainda ando a tentar convencer algumas pessoas a participar, mas não tenho tido grande sucesso até agora. De qualquer maneira, vou andar por aí à “pesca” de outros participantes para ter apoio moral e coisa e tal. Estou batida lá no site, lol.

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: