Os números e falta de crítica!

A Mozilla no lançamento do Firefox 3, tentou um golpe de publicidade tentando bater um record do número de downloads de um software durante as primeiras 24h.

Antes, ninguém tinha feito algo semelhante e portanto o feito do Firefox será único até que outros o tentem.

Mas o mais estranho é que ouvi alguns “pseudo críticos” patetas vir a terreiro tentar aproveitar a boleia do Firefox para falar de outros softwares, tentando menosprezar o feito do Firefox. Passo a explicar:

O Firefox 3 consegui mais de 8 milhões de downloads no primeiro dia. Um feito notável para um software que tem que concorrer com o monopólio do Internet Explorer.

Uma das críticas que surgiram tentando tirar o valor a este feito foi que o Flash da Adobe tem 12 milhões de downloads todos os dias.

Isto atirado assim, parece colocar mal o Firefox. Afinal se um simples plugin consegue ter mais 50% de downloads diários em média do que o Firefox?

Mas o mais curioso destas afirmações é que normalmente não são confirmadas. São atiradas para a Web para atirar poeira e ninguém pensa um bocadinho nelas, quanto mais verificar os números.

Mas pensem assim, a Gartner estima que actualmente existem 1000 milhões de computadores pessoais no planeta. Se o Flash está a fazer 12 milhões por dia… 12 * 365 = 4380 milhões de downloads anuais. Ou seja… cada um dos computadores existentes está a instalar 4,3 vezes por ano o flash. Todos! 4,3 vezes por ano!

Isto serve de exemplo apenas. Mas a verdade é que os exemplos de falta de visão crítica são abundantes e podem dar uma visão errada de um feito ou acontecimento. O Firefox 3 com os seus 8 milhões em 24 horas é efectivamente um feito fantástico. Não há forma de o negar. A tentativa de tentar retirar dividendos para outros softwares é patético. Cabe a quem lê dar-lhe o crédito que merecem: O caixote do lixo.

E já agora, já fez download do Firefox 3?

Anúncios

Mp3: Está tudo na internet…

Depois de escrever como procurar música no Google permitindo encontrar música sem ter que recorrer a serviços tipo Kazaa (que pelos vistos permitem ao pessoal ser lixado pela RIAA) encontrei um outro serviço que também simplifica a vida do pessoal para procurar músicas que estejam perdidas online… (o pessoal adora meter músicas nos sites do MySpace e afins… ).

O serviço chama-se SeeqPod e experimentem por exemplo procurar Radiohead.

Obrigado pessoal.

Windows Vista grátis…

MUDOU DE LOCAL. Encontra-se agora MELHORADO no SIXHAT.NET

Update: O link abaixo parece já não estar a funcionar. As alternativas passam pelas redes de torrents e familiares. Ver o artigo Windows Vista: O Flop tão procurado?

Realmente parece que o Steve Balmer tinha razão em queixar-se da pirataria para o insucesso das vendas do Windows Vista. Ainda por cima quando o Windows Vista está à distância de um clique.

Agora só resta tentar perceber porque é que eu escrevi este post uma vez que não tenciono fazer fazer download, instalar ou testar sequer, o Windows Vista. Aliás quanto mais longe dele melhor, porque é a forma de garantir que vão deixar de me pedir ajuda para isto ou para aquilo. A partir do XP posso dizer: “nunca utilizei, não faço ideia como é que isso funciona“.

MUDOU DE LOCAL. Encontra-se agora MELHORADO no SIXHAT.NET

Como Procurar MP3 no Google

Sixhat Google MP3 Widget

Inspirado pela eficácia do Gadget (como a Microsoft lhes chama), ou widget, na procura de MP3 utilizando o Google para o Vista, decidi fazer algo semelhante para o dashboard do Mac.

É só fazer download deste widget para procurarem música a partir do maior motor de busca do planeta.

Obrigado Google.

[download]

Artigos Relacionados:

Música

MP3: Procurar música no Google